Review – Álbum – Todas as Bandeiras – Maglore

Mais um disco, mais uma formação. Esta tem sido a sina da Maglore desde o disco III quando deixou de ser um quarteto para se transformar num trio. Desta vez a saída do baixista Rodrigo Damati fez com que Teago Oliveira repensasse a formação voltando para o quarteto. Para isso Lelo Brandão foi convidado a retornar às guitarras e Paulo Lucas Oliveira (Banda Vitreaux) passou a assumir os contrabaixos.
Na musicalidade, “Todas as Bandeiras” mantém a evolução da banda percebida desde o álbum III, em parte isso se dá a parceria com Rafael Ramos e Leonardo Marques (Deck Discos) somado a própria maturidade de Teago e cia nas composições e o entrosamento dos 4, mesmo sendo uma formação relativamente nova.

O álbum é composto por 10 músicas que misturando o Rock ao melhor da MPB, te fazem parar, pensar, refletir e ter esperança, desde o hit “Aquela Força” que te faz acreditar na fé e na força “Que a águia tem no alto quando vai mergulhar…”; passando pela política “Todas as Bandeiras” que dá nome ao álbum, mostrando a resiliência do povo perante o que acontece no país “E toda vez que a gente morre assim, renasce / A gente renasce /E sempre renasce!”.

Mas o disco também é sobre AMOR, principalmente amor próprio, como na excelente “Hoje Eu Vou Sair” que mostra a volta por cima de um coração sofrido “Já foi bem mais forte do que cocaína / Já abriu ferida no mesmo lugar / Já não faço força pra ter alegria / Já não faço força pra me deslocar”. É também sobre a desilusão na “Eu Consegui”: “Você já sabe / Que agora essa ladeira cê vai ter que escorregar / E fique esperto / Que você não tem bandeira nenhuma pra levantar”.

Mas tenha calma, “Todas as Bandeiras” também é sobre ter paciência e colocar a cabeça no lugar, não tem como ouvir a música “Calma” e não sentir um pouco de esperança e paz para resolução dos problemas: “Calma / O tempo é o seu melhor amigo / Eu sei que isso não faz sentido agora / Mas calma / Pois nada fica fora do lugar / Por tanto tempo”.

Enfim, “Todas as Bandeiras” é aquele disco para ouvir com calma, faixa a faixa, do início ao fim. É uma viagem sem sair do lugar, dificilmente saíra do seu playlist de forma rápida. É um excelente disco de uma banda que vem mostrando evolução e maturidade a cada lançamento. A Maglore já é uma realidade e com este disco tem tudo para alçar voos bem maiores.

Ouça no Spotify:


Ficha Técnica

Álbum:  Todas As Bandeiras
Artista:  Maglore
País: Brasil
Gravadora: Deck Discos
Lançamento: 1 de setembro de 2017

Faixas:

1-Aquela Força
2-Todas as Bandeiras
3-Clonazepam 2 Mg
4-Me Deixa Legal
5-Jogue Tudo Fora
6-Hoje Eu Vou Sair
7-Eu Consegui
8-Quando Chove no Varal
9-Calma
10-Valeu, Valeu

Você pode gostar também