Anuário Rock Baiano vol. 4

Após três edições, já podemos afirmar sem dúvidas de que o Anuário Rock Baiano virou uma tradição com essa 4ª edição. A coletânea da TRINCA de selos (Brechó Discos, Bigbross Records e São Rock Discos) está de volta repetindo a dose. Em 2020 são 43 músicas de 43 artistas diferentes. Confiram o release:

Para muita gente esse ano não existiu ou no mínimo não deveria ter existido. Mas a vida é assim mesmo, e nem sempre é possível ser coerente. Enquanto muitos, e nós também, estão lamentando o obituário e a incompetência dos governantes, estamos aqui para falar de esperança e do nosso anuário.

E apesar de um alinhamento, mesmo que confuso, no nosso estado o que importa mesmo são as vidas perdidas e a elas dedicamos esse trabalho. Foi necessário muita concentração e coragem para que nós, artistas e outros participantes da cadeia produtiva da cultura, pudéssemos continuar criando e produzindo.

Coube a Trinca de Selos incentivar, promover e organizar esse escoamento. Através de coletâneas, festivais online, lives e parcerias.

O resultado deste ano está aqui e agora disponível. O “Anuário da Trinca” . Um balanço de quase tudo que produzimos ou ajudamos a produzir, uma curiosidade, esse ano decidimos colocar bandas de fora da Bahia que lançamos.

A capa ficou a cargo do nosso amigo, e ex vocalista de diversas bandas que fizeram história no rock baiano, André Lissonger. E é também uma homenagem ao nosso passado aqui representado pelo Circo Troca de Segredos, palco dos mais atuantes nos anos 80.

Não perca tempo, o repertório é longo e é também uma pequena amostra de trabalhos tão diversos e ainda assim de qualidade artística incontestáveis. Apesar das dificuldades seguimos em frente.

Nós somos a Trinca de Selos e #aquitemrockbaiano.
Ouça agora no http://bit.ly/bandcamptrincadeselos

Ouça no Spotify:

Você pode gostar também